Sumário

No setor de RH, coaching e mentoring têm sido utilizados como ferramentas poderosas para a gestão de talentos e aperfeiçoamento dos colaboradores.

Por meio dessas técnicas, é possível criar um ambiente de aprendizagem contínua e estimular o desenvolvimento de habilidades e competências específicas.

Isso resulta em uma equipe mais qualificada e engajada, capaz de enfrentar desafios e contribuir para o sucesso da empresa.

Neste artigo, vamos explorar com mais detalhes como essas abordagens ajudam o setor de RH a atingir seus objetivos.

Também falaremos dos benefícios que essas técnicas podem trazer para o RH e para as empresas.

Então veja como utilizá-las para uma gestão mais eficiente.

O que é coaching e mentoring?

Coaching

O coaching é uma técnica utilizada para ajudar as pessoas a alcançar seus objetivos pessoais e profissionais.

Na área de RH, o coaching é usado para ajudar os funcionários a melhorar seu desempenho e a atingir suas metas de carreira.

A metodologia é aplicada com o auxílio de um coach, um profissional treinado que trabalha com o funcionário para identificar pontos de melhoria e desenvolver um plano de ação.

Existem vários tipos de coaching, incluindo o coaching executivo, o coaching de carreira, de liderança e o coaching de equipe.

Entenda um pouco mais detalhadamente sobre cada um deles a seguir:

Conheça alguns tipos de coaching

  • Coaching executivo: em geral, é utilizado para ajudar os executivos a melhorarem suas habilidades de liderança e a alcançarem seus objetivos de negócios.
  • Coaching de carreira: tem como finalidade ajudar o profissional a construir uma carreira de acordo com suas características e objetivos, sobretudo durante uma transição de profissão
  • Coaching de liderança: é aplicado com o objetivo de desenvolver as habilidades de liderança de um gerente ou supervisor.
  • Coaching de equipe: é usado para ajudar uma equipe a trabalhar de maneira mais eficaz e melhorar sua comunicação
Mentoria

Mentoring

O mentoring, por sua vez, é uma técnica utilizada para ajudar os funcionários a desenvolver suas habilidades e avançar em suas carreiras.

Em geral, um mentor é um profissional experiente que trabalha com o colaborador para ajudá-lo a desenvolver habilidades específicas e a alcançar seus objetivos de carreira.

Além de ajudar o funcionário a identificar áreas de melhoria, o mentor pode fornecer feedbacks construtivos e oferecer orientação.

Logo, o mentoring é especialmente útil para os funcionários que estão em início de carreira ou que desejam avançar para um cargo mais sênior.

O mentor ainda pode compartilhar sua própria experiência e conhecimento para ajudar o funcionário a evoluir em sua profissão.

Tipos de mentoring

Existem vários tipos de mentoring que podem ser aplicados ao departamento de RH. Confira alguns exemplos abaixo:

  • Mentoring por pares: neste tipo de mentoring, o mentor e o mentorado fazem parte da mesma equipe, geração ou nível hierárquico e compartilham experiências de forma horizontal.
  • Mentoring de grupo: envolve um grupo que se reúne regularmente para trocar ideias, discutir desafios e desenvolver habilidades em conjunto. É uma forma eficaz de criar um senso de comunidade e de compartilhar conhecimento.
  • Mentoring reverso: um profissional mais jovem é designado para mentorar um profissional mais experiente com o objetivo de proporcionar uma nova perspectiva sobre questões e desafios a um colaborador sênior.
  • Cross-mentoring: mentoria feita por um profissional de outro time ou até mesmo de outro setor com a finalidade de promover a integração entre colegas.
  • Mentoring formal: é a empresa que define quem será mentor de quem, os tópicos discutidos, o número de encontros e os horários. Ademais, o aprendizado também deve ser avaliado e repassado para o time de RH.
  • Mentoring informal: os colaboradores decidem quem será o mentor, o conteúdo das conversas e o formato dos encontros.

Por fim, vale ressaltar que a gestão de RH deve se atentar para escolher o tipo de mentoring que melhor atenda às necessidades do departamento e dos profissionais envolvidos.

Benefícios do coaching

Coaching vs Mentoring

Embora existam semelhanças entre coaching e mentoring, as duas técnicas têm abordagens diferentes.

O coaching é mais abrangente e ajuda os funcionários a melhorar seu desempenho e alcançar suas metas e objetivos de carreira.

Já no mentoring, o foco está na transferência de conhecimento que ajuda o colaborador a desenvolver competências específicas, tanto profissionais quanto pessoais.

No coaching, é comum a contratação de um profissional externo para conduzir o processo. Ele não diz o que é preciso fazer, mas orienta a jornada de autoconhecimento para que o colaborador alcance um objetivo.

Mas, como funciona na prática?

Bem, nessa parceria, o coachee é quem mais fala, ao responder as perguntas feitas pelo coach para conhecer melhor a si mesmo.

Já no mentoring, o processo costuma ser conduzido por um profissional mais experiente da mesma área de atuação do mentorado, ou seja, em muitas das vezes é um colega de trabalho.

Além disso, o mentor dá conselhos objetivos, orientando sobre a melhor forma de lidar com cada tipo de situação.

Gestão

Benefícios do coaching e mentoring para o setor de RH

Tanto o coaching quanto o mentoring oferecem vários benefícios para o setor de RH.

Além de ajudar a melhorar o desempenho dos funcionários, essas duas metodologias podem aumentar a retenção de talentos, promover o desenvolvimento de liderança e melhorar a cultura organizacional

Melhora do desempenho dos funcionários

O coaching e mentoring podem aprimorar a performance dos funcionários. O coaching pode ser usado para identificar áreas de melhoria no desempenho de um funcionário e desenvolver um plano de ação para melhorar essas áreas.

Enquanto isso, o mentoring pode auxiliar no desenvolvimento de competências específicas por meio de conselhos e orientações.

Aumento da retenção de talentos

Além disso, o coaching e mentoring também podem contribuir para aumentar a retenção de talentos.

Afinal, quando os funcionários sentem que estão sendo apoiados em sua carreira e têm a oportunidade de desenvolver suas habilidades, eles são mais propensos a permanecer na organização.

Desse modo, os gestores de RH terão mais facilidade para reduzir a rotatividade de funcionários e economizar dinheiro com recrutamento e treinamento.

Coaching vs Mentoring

Promoção do desenvolvimento de liderança

Ademais, essas abordagens também podem promover o desenvolvimento de liderança na empresa.

Isso porque quando os funcionários recebem treinamento e orientação, eles se tornam mais confiantes em suas habilidades de liderança e são mais capazes de liderar equipes eficazes.

Como resultado, o departamento de Recursos Humanos pode criar uma cultura de liderança sólida na companhia.

O coaching e mentoring proporcionam melhoria da cultura organizacional

Por fim, a adoção do coaching e mentoring também pode fortalecer a cultura organizacional, pois ao sentirem que são apoiados e valorizados, os profissionais estarão mais dispostos a se engajar no trabalho e a colaborar com os colegas.

Logo, tanto o coaching quanto o mentoring facilitam a criação de uma cultura de trabalho mais positiva e produtiva.

Conheça as principais ferramentas para aplicar coaching e mentoring

Existem diversas ferramentas e técnicas que podem ser utilizadas no processo de coaching e mentoring para o departamento de RH. Confira abaixo, algumas das principais:

Valores pessoais:

A ferramenta de valores pessoais é utilizada em coaching e mentoring para ajudar os profissionais de RH a identificar seus valores pessoais e profissionais.

Através dessa ferramenta, o profissional de RH pode compreender melhor quais são os seus princípios fundamentais, o que é importante para ele e como esses valores podem impactar seu trabalho e sua tomada de decisões.

Avaliação 360 graus:

A avaliação 360 graus é uma ferramenta de autoavaliação e avaliação de desempenho que fornece feedbacks de várias fontes, incluindo colegas de trabalho, subordinados e supervisores

Plano de ação 5W2H:

O plano de ação 5W2H é uma ferramenta utilizada em coaching e mentoring para ajudar os profissionais a estabelecer objetivos claros e a definir ações concretas para alcançá-los.

O acrônimo 5W2H significa:

  • What (O que será feito?)
  • Why (Por que será feito?)
  • Who (Por quem será feito?)
  • Where (Onde será feito?)
  • When”(Quando será feito?)
  • How (Como será feito?)
  • How much (Quanto custará?)
Liderança

Com essa ferramenta, o profissional de RH pode elaborar um plano de ação detalhado e estabelecer prazos realistas para alcançar seus objetivos.

Modelo GROW:

O modelo GROW é uma ferramenta de coaching utilizada para estabelecer metas específicas, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e com prazo determinado (SMART).

GROW é a sigla para:

  • Goal (objetivo)
  • Reality (realidade)
  • Options (opções)
  • Will (ação)
Benefícios RH (3)

Com essa ferramenta, o coach ajuda o profissional a identificar seus objetivos, avaliar a realidade atual, explorar opções e estabelecer um plano de ação para alcançar seus objetivos.

Matriz SWOT:

A matriz SWOT é uma ferramenta de análise corporativa e seu acrônimo quer dizer:

  • S – Strengths: forças
  • W – Weaknesses: fraquezas
  • O – Oportunities: oportunidades
  • T – Threats: ameaças

A ferramenta pode ser utilizada no coaching para ajudar o colaborador a desenvolver estratégias para aproveitar oportunidades e superar ameaças, bem como para capitalizar os pontos fortes e minimizar os pontos fracos.

Entenda um pouco mais sobre a aplicação da Matriz SWOT no RH

Conclusão

Em resumo, o coaching e o mentoring são ferramentas valiosas para o setor de RH.

Ao entender sobre esses métodos, os gestores de RH podem elaborar programas eficazes de desenvolvimento de talentos em suas empresas.

Entre outras ações, estão a criação de planos de desenvolvimento pessoal para os funcionários e a implementação de sessões de mentoria em grupo ou individuais.

Essas iniciativas podem ser adaptadas para atender às necessidades específicas de cada funcionário, ajudando-os a desenvolver habilidades técnicas e comportamentais, e a alcançar seus objetivos profissionais.

Além disso, coaching e mentoring são ferramentas que podem ajudar os gestores de RH a identificar talentos promissores na empresa e a investir neles. Ao fornecer suporte e orientação para esses profissionais, é possível desenvolver uma equipe de alta performance e aumentar a competitividade da empresa no mercado.

Em resumo, os gestores de RH que entendem sobre coaching e mentoring estão melhor equipados para desenvolver e reter talentos na empresa, criar uma cultura de aprendizado e desenvolvimento contínuo, e aumentar o sucesso e a eficácia do departamento de RH.

No entanto, é importante implementar essas técnicas de forma estratégica e avaliar regularmente seus resultados para garantir que estejam alcançando os objetivos desejados.

Veja como desenhar um plano estratégico de RH